-->

RECEBE AS NOSSAS NOVIDADES POR E-MAIL

terça-feira, 6 de novembro de 2018

Marrabenta A sua Origem e Evolução

"REPORTAGEM - O que é que é Marrabenta?. SOB égide do Instituto de Investigação Sócio-Cultural (ARPAC) buscam-se fundamentos científicos sobre a origem e evolução da música MARRABENTA. O objectivo segundo os proponentes da pesquisa, é passar da oralidade para escrita, criando-se paradigmas que deixam claro o que é marrabenta e como ela surgiu.Maputo, Quarta-Feira, 22 de Junho de 2011:: Notícias . Pretende-se igualmente, criar referências sobre este estilo de música e dança alvo de acesos debates quando o assunto é, sobretudo, falar dos seus percursores.Existe muita informação na maior parte não sistematizada sobre origem e evolução da marrabenta o que, amiúde, abre espaço para a distorção dos factos, a começar pelo próprio nome. Há muitas versões e estórias sobre a origem e o significado deste substantivo.Vale mais tarde do que nunca. O ARPAC em boa hora, decidiu “arregaçar as mangas”, criando um espaço de debate público, cujo interesse é a desmistificação de todo o burburinho à volta deste ritmo. Com efeito, na última sexta-feira, 17 de Junho corrente, o ARPAC organizou na sua sede, em Maputo, um workshop subordinado ao tema “Marrabenta: Origem e Evolução”, para o qual foram convidados estudiosos da música, os próprios músicos, produtores, entre outros interessados.Não foi um debate conclusivo, alias, esse nem era o interesse. Tratou-se sim do lançamento das premissas para uma discussão mais concertada e com um horizonte claro.Diga-se em abono que foi uma bom “arranque”, embora tenha ressaltado à partida, uma grande rivalidade entre Maputo e Gaza, quanto à origem do ritmo. Naturalmente que cada um dos “representantes” destas duas províncias do sul de Moçambique, puxava a autoria para o seu lado. Foi interessante, ver o Abdul Razaque (Cílio Paulino) e o Maninho (de Xai-Xai) a esgrimirem argumentos sobre o ritmo, o compasso e a diferença entre Marrabenta e Madjika. Não foi somente na palavra. Houve inclusive uma demonstração prática (tocaram guitarra) para o agrado de todos os participantes. Entretanto, sobre a origem da Marrabenta a primeira informação até certo ponto sistematizada, refere que se trata de um ritmo do género da Música Urbana nascido na Mafalala mestiça e ronga dos anos 1930 a 1940 e da fusão básica da Madjika do Guijá e da rumba cubana (tocada no Comoreano e no Grupo Desportivo Zambeziano de tetenses, fundada por Baltazar Chagonga. Refere igualmente que a marrabenta é produto da miscegenação cultural dos povos do Sul do Save, e da dinâmica sócio-cultural. Assim por dizer, a Marrabenta terá tido origem na região sul de Moçambique, sendo que os seus praticantes são oriundos das três províncias, nomeadamente Maputo, Gaza e Inhambane. Sustenta-se que estilização da Marrabenta deve a pessoas urbanizadas que, distantes do seu meio social e cultural e sujeitos à influência da cultura ocidental, criaram este ritmo, pegando noutros já existentes como a Madjika, Xingombela e Zukuta. Começou no final dos anos 30, mas será na década 50 que se tornaria popular com conjuntos como Djambu, Hulla-Hoop e Harmonia. Para desmistificar toda esta história o ARPAC está a frente de um debate público e de cariz científico, orientado pelos pesquisadores João Vilanculo e Marilio Wane.O primeiro debate realizado sexta-feira, 17 de Junho corrente, foi orientado para duas vertentes fundamentais, nomeadamente o “Contexto do surgimento da Marrabenta e a sua relação com outras expressões culturais” e “Propriedade estéticas da Marrabenta e como símbolo da identidade nacional”.João Fumo" Jornal NOTICIAS, Caderno Cultural.

FONTE: nandiiwe

0 comentários:

Enviar um comentário

Copyright © 2018 Soares-Muzik Todos Direitos Reservados
Desenhado Por: Ivanildo Soares